SOS Naufragados: Saiba como Ajudar

33 famílias lutam para permanecer legalmente em suas casas no litoral catarinense. Entenda a história e saiba como ajudar!

A Praia de Naufragados

Conhecida como uma das mais bonitas praias catarinenses, fica no extremo sul da ilha de Florianópolis, e seu povoado remonta a imigração Açoriana no Brasil, no século XVIII.

Foto lateral da praia. Fonte: Bem vindos a bordo.

Atualmente, 33 famílias se reconhecem como habitantes da região, que pela dificuldade de acesso, tem como principal atividade travessias turísticas, além da pesca.

São essas famílias que estão ameaçadas pelas idas e vindas da lei estadual e pela especulação do mercado imobiliário local.

 

A Lei e as 33 Famílias

Em 1975, a região foi transformada em área do Parque Estadual da Serra do Tabuleiro, o que proibiu residências na região. As famílias ficaram em situação de moradia ilegal, entretanto, não receberam nenhuma indenização ou ajuda para conseguirem novos locais para viver.

Amâncio (à esq.) e Andrino (á dir.) moradores do local Fonte: avaaz

A incerteza com o futuro se dá principalmente por uma Lei Estadual de 2009, que pode deixar a comunidade de Naufragados sujeita a especulação dos mercados turístico e imobiliário.

Também em 2009 foi promulgada uma lei que tirava Naufragados do Parque Estadual da Serra do Tabuleiro.

Mas no decreto que regulamenta a lei diz que deveria ser feito um plano de manejo para definir qual área exatamente fica e sai do parque, porém esse plano nunca foi feito pelo governo.

 

Destruição Desumana

Casas viraram entulho na Praia dos Naufragados — Foto: Ana Paula dos Santos/NSC TV

Mesmo sem o plano de manejo, em 2019 casas de pescadores, que residiam há mais de 40 anos em naufragados, foram destruídas ilegalmente. As demolições trouxeram medo e pânico às famílias de Naufragados.

Seu Cravo morava há 40 anos na Praia Naufragados — Foto: Ana Paula dos Santos/NSC TV

O que podemos fazer para ajudar?

Para ajudar a comunidade é só assinar a petição comunitária (link abaixo) no site da Avaaz, dura menos de 1 minuto! A petição foi criada para garantir a estadia dos moradores da região.

 

AJUDE NAUFRAGADOS ASSINANDO A PETIÇÃO ONLINE AQUI!!!!!

 

Fontes: Avaaz, Instagram “SOS Naufragados”.

Deixe um comentário